quarta-feira, 28 de julho de 2010

Sossego


Aquietai vos
No Sossego de um Deus
A calma a alma
Um caminhar melhor
Uma paz que não incomoda
Não julgai vos
Compaixão, perdão
Ver o outro
Trazer um conforto
Dizer posso ajudar
O Silêncio contigo
Um conversar com o Pai
Misericórdia de nós
Consolação
Sua mão
Nos aponta o viver
Uma paz sem medida
Os guardas precisam ter
As crianças precisam nascer
Sabendo de ti
Os idosos
Lições de vidas
Canções de louvor
Lares, ruas, cidades
Tudo será bem sucedido
Quando o Senhor é contigo
Sossegai.

2 comentários:

  1. É a isso que se referia Moisés quando compôs o Salmo 90, a transitoriedade da vida... Que tenhamos um coração sábio para poder reconhecer.
    Desejo sossegar sempre em Seus braços.
    Muito bom José! bj

    ResponderExcluir
  2. Minha mamy(Mariza Maravilha)
    até se emocionou e eu fiquei
    olhando dando piscadela, mas como sou um gato meloso e manhoso, fiquei pertinho dela...ofereço esse poeminha que vimos na net:

    Boa Noite!

    Cada nascer do sol
    é um convite à vida,
    E cada pôr do sol,
    é a esperança de um novo dia!
    Linda semana!
    durma bem.

    Alvino Brancão

    ResponderExcluir