domingo, 13 de setembro de 2009


Bem Perto
Os desejos dos homens:
Saber o que há por detrás das galáxias
Vamos, nossos olhos precisam desvendar os mistérios
Haverá um novo Éden?
Frutos de um doce bom?
Perfumes de flores inigualáveis
Viagens rumo ao abissal
Para ver e tocar em outros corais
Bem lá fundo no mar do nosso mundo
Haverá outros tesouros?
Energias renováveis
Que aquecem e transformam?
Qual a intenção ?...
O fogo para clarear o abismo escuro?
Ou o fogo que destrói a tudo ?
Vamos rumo ao infinito
A ciência do bem e do mal
Porque não tocar no fruto da árvore
Que está no meio do jardim?...
O conforto e o conflito...a guerra interna...
A luz dos homens nos trouxeram
Um solo tão cansado, um homem tão duro
Um ser tão pequeno, distante...
Um Deus tão grande bem perto
Como nascer esta ideia entre pedras e espinhos?...
A semente: a cem, a sessenta, a trinta por um?...
Os homens rumo ao infinito
Deus aqui, como também lá estará
Os homens e seus telescópios, buscam os mistérios
O Deus criador não precisa de uma nanotecnologia
Ele nos no mínimo do mínimo
Os homens e luxos, os mesmos e lixos
O trigo e o joio...
As naves corruptíveis não estarão lá
Para ver o novo céu e a nova terra
Lá só entrarão os viajantes
Que observaram os lírios do campo
E como eles se vestiram para a viagem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário