sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Sinal


Tu me pedes um sinal
O de Jonas ti basta
As pedras clamam
Em Társis não se chega
Tens fugido da verdade
Uma nova Nínive haverá
Com o seu olhar de carne
Não consegues enxergar
Tu me pedes um sinal
O clamor de dores,
Clamor de horrores
Tem chegado a mim
Tu me pedes um sinal
Eu virei nas nuvens
Uns se alegrarão 
Outros chorarão
Todos os joelhos se dobrarão
A grande Babilônia jamais será achada
Haverá um novo céu,
Uma nova terra
O dia, a hora, só ele saberá
Vigiai!, Vigiai!
Quem vos fala é maior que Jonas.

4 comentários:

  1. "Haverá um novo céu e uma nova terra!" Essa é a nossa grande esperança e certeza, querido irmão. Todos que amamos o Senhor estaremos lá para sempre!
    Sua poesia é um alerta para aqueles que ainda não seguem a Cristo, e uma alegria para aqueles que amam a Jesus, pois nosso futuro será glorioso junto a Ele!

    Querido amigo, obrigada por postar pra gente palavras tão sábias; e obrigada também por estar sempre me prestigiando no meu blog. Obrigada por sua amizade!
    "Quem encontrou um amigo, encontrou um tesouro!"

    ResponderExcluir
  2. Seu blog é top.
    Palavras muito sábias como disse a Josy Cristina.

    Viva a poesia!

    ResponderExcluir
  3. Agradeço ao Senhor Deus pela oportunidade da nova terra e novo céu.
    Parabens pelo texto.. Vigiemos então.

    ResponderExcluir